Blogs

Início / Blogs / O que é governança de dados e por que ela é importante?

Tabela de conteúdo
O Automatizado, Nenhum código Pilha de dados

Saiba como Astera O Data Stack pode simplificar e agilizar o gerenciamento de dados da sua empresa.

O que é governança de dados e por que ela é importante?

Ammar Ali

Gerenciador de conteúdo

Março 25th, 2024

A governança de dados refere-se ao gerenciamento estratégico de dados dentro de uma organização. Envolve o desenvolvimento e a aplicação de políticas, procedimentos e padrões para garantir que os dados estejam consistentemente disponíveis, sejam precisos, seguros e em conformidade durante todo o seu ciclo de vida.

Na sua essência, a governança de dados visa responder a questões como:

  • Quem possui os dados? Determinar a propriedade clara garante a prestação de contas e a responsabilidade por qualidade de dados e conformidade.
  • Quais dados estão sendo coletados e armazenados? Identificar os tipos de dados coletados ajuda a compreender sua importância e impacto potencial na organização.
  • Como os dados são usados ​​e acessados? O estabelecimento de diretrizes para acesso e uso de dados garante que eles sejam utilizados de forma adequada e ética.
  • Os dados são precisos e confiáveis? A implementação de medidas para manter a integridade dos dados garante que os dados sejam precisos, consistentes e confiáveis.
  • Os dados estão seguros? A implementação de medidas de segurança para proteger os dados contra acesso não autorizado, violações ou uso indevido é crucial para manter a confidencialidade e a conformidade com os regulamentos.

Governança de dados vs. Gestão de dados

Qual é a diferença entre governança de dados e gerenciamento de dados?

A governança de dados concentra-se principalmente no estabelecimento da estrutura, políticas e processos para garantir a qualidade, integridade, segurança e conformidade dos dados em toda a organização. Por outro lado, gestão de dados é o conjunto mais amplo de práticas e atividades envolvidas no manuseio, armazenamento, recuperação e manutenção diária de ativos de dados.

Embora a governação de dados defina as regras e directrizes para a gestão de dados, a gestão de dados envolve a implementação dessas regras através de várias tarefas operacionais, tais como recolha de dados, armazenamento, integração, limpeza e análise.

Aspecto Governança de dados Gestão de dados
Foco Estabelecer políticas, padrões e processos para garantir a qualidade, integridade, segurança e conformidade dos dados Implementar tarefas operacionais e atividades envolvidas no manuseio, armazenamento, recuperação e manutenção de dados
Propósito Garantir a responsabilidade, a conformidade e o gerenciamento responsável de ativos de dados em toda a organização Manipulação eficiente de dados durante todo o seu ciclo de vida para agregar valor e dar suporte às operações de negócios.
Implementação Estabelece as regras e diretrizes para atividades de gerenciamento de dados e fornece supervisão e fiscalização Executa as regras e diretrizes estabelecidas pela governança de dados para gerenciar dados de forma eficaz
Stakeholders Partes interessadas de negócios, profissionais de TI, administradores de dados, equipes de conformidade Analistas de dados, administradores de banco de dados, profissionais de TI, administradores de dados e usuários finais
Resultado Garante a qualidade, integridade, segurança e conformidade dos dados em toda a organização Garante que o tratamento eficiente de dados apoie a tomada de decisões e as operações de negócios.

A importância da governança de dados

A governação de dados facilita a acessibilidade, estabelecendo diretrizes claras sobre quem pode aceder aos dados e em que circunstâncias. Estas diretrizes garantem que todos os funcionários tenham acesso aos dados necessários para as suas funções, promovendo a colaboração e a tomada de decisões informadas em toda a organização.

  • Garanta a conformidade: Dados confiáveis ​​alimentam escolhas informadas em todos os níveis. A confiança nas informações que você está usando permite que você tome decisões estratégicas com confiança.
  • Mitigar riscos: A governança de dados protege informações confidenciais, reduzindo o risco de violações de dados e protegendo a reputação da sua organização, ao mesmo tempo que constrói a confiança das partes interessadas e dos clientes.
  • Melhore a qualidade dos dados: Processos eficazes de governança de dados estabelecem padrões e protocolos para coleta, armazenamento e gerenciamento de dados, levando a dados precisos, consistentes e atualizados.

Principais partes interessadas na governança de dados

A governança de dados envolve a colaboração entre liderança executiva, profissionais de TI, administradores de dados, equipes de conformidade e analistas de dados. A adaptação às necessidades empresariais em evolução e aos requisitos regulamentares requer monitorização, avaliação e melhoria contínuas.

As principais partes interessadas na governança de dados incluem:

  • Liderança executiva: Fornecer orientação e suporte para impulsionar a implementação estratégica da governança de dados.
  • Profissionais de TI: Implementar e manter infraestrutura técnica para apoiar iniciativas de governança de dados.
  • Administradores de dados: Garanta a qualidade, integridade e conformidade dos dados em áreas ou conjuntos de dados específicos.
  • Equipes de conformidade: Supervisionar a adesão aos regulamentos e padrões que regem o uso e a privacidade de dados.
  • Analistas de dados: Utilize dados governados para extrair insights e informar processos de tomada de decisão.

As empresas modernas optam cada vez mais por soluções unificadas e sem código. Eles fornecem uma plataforma fácil de usar para que todas as partes interessadas colaborem perfeitamente, independentemente do conhecimento técnico. Ele capacita a equipe de liderança a definir políticas de governança, enquanto os profissionais de TI, ou mesmo administradores de dados, podem implementá-las com eficiência devido ao ambiente sem código.

Os administradores de dados e as equipes de conformidade podem monitorar e aplicar facilmente os padrões de governança, enquanto os analistas de dados podem acessar facilmente os dados para relatórios e análises, promovendo a colaboração eficaz em toda a organização.

Como funciona um programa de governança de dados?

Um Programa de Governança de Dados opera estabelecendo uma estrutura que inclui vários processos, políticas e práticas destinadas a garantir o gerenciamento eficaz dos ativos de dados de uma organização, incluindo:

  • Desenvolvimento de políticas: O programa começa com o desenvolvimento de políticas abrangentes de governança de dados que descrevem regras e diretrizes para gerenciamento, uso, segurança e conformidade de dados. Estas políticas são normalmente concebidas em colaboração com as principais partes interessadas de diferentes departamentos e estão alinhadas com os objectivos estratégicos da organização.
  • Propriedade e responsabilidade de dados: A propriedade e a responsabilidade claras pelos ativos de dados são definidas no programa. Esta etapa envolve a identificação de administradores ou custodiantes de dados responsáveis ​​por conjuntos de dados ou domínios específicos. Os administradores de dados mantêm padrões de qualidade de dados, controlam o acesso aos dados e garantem a conformidade.
  • Padrões de dados e gerenciamento de metadados: A padronização de formatos de dados, definições e convenções de nomenclatura é crucial para garantir consistência e interoperabilidade em toda a organização. O programa estabelece processos para gerenciamento de metadados, incluindo a documentação da linhagem de dados, definições e políticas de uso.
  • Gerenciamento de qualidade de dados: O programa implementa processos e ferramentas para monitorar e melhorar qualidade de dados. Esta etapa envolve a identificação de problemas de qualidade dos dados, a avaliação do seu impacto nas operações comerciais e a implementação de medidas corretivas para resolvê-los. O perfil, a limpeza e a validação contínuos dos dados são componentes críticos do gerenciamento da qualidade dos dados.
  • Segurança de Dados e Conformidade: A governança de dados garante que medidas de segurança adequadas sejam implementadas para proteger dados confidenciais contra acesso não autorizado, violações ou uso indevido. A conformidade com regulamentações e padrões relevantes, como GDPR, HIPAA ou PCI-DSS, é fundamental para a governança de dados. O programa estabelece controles e processos para garantir a conformidade com as leis de proteção de dados e regulamentações do setor.
  • Gerenciamento do ciclo de vida dos dados: A governança de dados eficaz envolve o gerenciamento de todo o ciclo de vida dos dados, desde a criação até o arquivamento ou descarte. Esta etapa inclui a definição de políticas para retenção, arquivamento e descarte de dados com base nos requisitos de negócios, obrigações regulatórias e valor dos dados.
  • Monitoramento e Execução: O programa inclui mecanismos para monitorar a adesão às políticas de governança de dados e garantir a conformidade. Esta fase pode envolver auditorias regulares, avaliações da qualidade dos dados e controlos de acesso para garantir que as equipas sigam as políticas de governação de dados de forma eficaz.

Um programa de governança de dados estabelece uma abordagem estruturada para gerenciar ativos de dados, garantindo sua qualidade, integridade, segurança e conformidade durante todo o seu ciclo de vida. Um ambiente unificado e soluções sem código oferecem vantagens ao fornecer uma plataforma centralizada para colaboração e permitir que partes interessadas de diversas formações técnicas contribuam com eficiência para iniciativas de governança.

O que é uma estrutura de governança de dados?

Uma estrutura de governança de dados é um plano detalhado que orienta a implementação da governança de dados em sua empresa. Pense nisso como um conjunto de regras e processos que ajudam você a gerenciar seus dados de forma inteligente e organizada. Seguir esta estrutura permite manter consistência e eficiência no tratamento dos dados da sua empresa.

  • Corpo de Conhecimento em Gerenciamento de Dados (DMBOK): Desenvolvido pela Data Management Association (DAMA), DMBOK fornece um guia abrangente para melhores práticas, princípios e processos em gerenciamento de dados, incluindo governança de dados.
  • A Estrutura do Data Governance Institute (DGI): DGI oferece uma estrutura que descreve os componentes, princípios e práticas de governança de dados, incluindo estruturas organizacionais, políticas e processos.
  • Objetivos de Controle para Informação e Tecnologia Relacionada (COBIT): COBIT, desenvolvido pela ISACA, fornece uma estrutura de governança e gestão para processos de TI, incluindo governança de dados, com foco em objetivos de controle e modelos de maturidade.
  • Estrutura de arquitetura de grupo aberto (TOGAF): TOGAF oferece uma estrutura para arquitetura empresarial, que inclui aspectos de governança de dados dentro de seu escopo mais amplo de gerenciamento de ativos e capacidades organizacionais.

Os benefícios de uma estrutura de governança de dados incluem:

  • Colaboração aprimorada em toda a organização para gerenciar todos os ativos de dados em alinhamento com os objetivos corporativos.
  • Maior visibilidade dos esforços de governação de dados, levando a uma coordenação e controlo eficazes dos ativos de dados.
  • Maior transparência nos processos de gestão de dados, garantindo clareza e responsabilização.
  • Monitoramento eficiente do consumo e utilização de dados, orientado por um blueprint estruturado.
  • Uma base sólida para práticas de conformidade regulatória, garantindo a conformidade com os padrões e regulamentações do setor.

A importância da linhagem de dados

A linhagem de dados fortalece a governança de dados, proporcionando transparência, controle e responsabilidade sobre os ativos de dados da organização. A linhagem de dados rastreia sistematicamente os dados desde a origem até suas diversas transformações e destinos dentro da arquitetura de dados de uma organização. Ele fornece um registro detalhado de como os dados se movem através de diferentes sistemas, processos e bancos de dados. Esta informação é crucial para garantir a qualidade dos dados e compreender o impacto das alterações nas fontes ou estruturas de dados.

Implementando uma solução unificada com recursos de linhagem de dados em vez de ferramentas de linhagem de dados de terceiros melhora a governança de dados. Ele fornece uma plataforma centralizada para gerenciar e visualizar a linhagem de dados, facilitando o rastreamento de dependências de dados e a identificação de possíveis problemas. Com esta visibilidade, as organizações podem tomar decisões informadas sobre estratégias de gestão de dados e garantir que os dados sejam utilizados de forma eficaz e responsável em toda a organização.

Práticas recomendadas de governança de dados

melhores práticas de governança de dados

Uma abordagem unificada para ativos de dados

Estabeleça uma estrutura de governança de dados envolvendo todos os tipos de ativos de dados em toda a organização, incluindo bancos de dados estruturados, documentos não estruturados e dados semiestruturados de diversas fontes, como APIs. Isto garante uma abordagem unificada à gestão de dados, reduzindo o risco de ignorar ativos de dados críticos e melhorando a eficácia geral da governação.

Envolva administradores de dados

Incentive a participação de analistas de dados, engenheiros e usuários empresariais nos esforços de governança. Aproveite seus conhecimentos e insights para informar decisões e políticas de governança. Esta abordagem promove um sentido de propriedade e responsabilidade entre os profissionais, levando a práticas de governação mais personalizadas e eficazes, alinhadas com as necessidades do negócio.

Integre a governança aos fluxos de trabalho

Integre perfeitamente as práticas de governança nos fluxos de trabalho existentes e nas ferramentas usadas pelos profissionais. Implemente avaliações de qualidade de dados, verificações de conformidade de privacidade e controles de acesso diretamente em suas soluções de gerenciamento de dados para garantir que a governança se torne parte integrante das operações de rotina. Esta abordagem minimiza interrupções e incentiva a adoção generalizada de práticas de governança em toda a organização.

Estabeleça métricas de governança de dados

Defina indicadores-chave de desempenho (KPIs) e métricas para medir a eficácia de suas iniciativas de governança de dados. Esta etapa inclui métricas de rastreamento, como pontuações de qualidade de dados, níveis de conformidade e satisfação do usuário com a acessibilidade dos dados. Ao monitorar regularmente essas métricas, você pode identificar áreas de melhoria e demonstrar o valor da governança de dados às partes interessadas.

Fornece treinamento e educação contínuos

Ofereça treinamento contínuo e programas educacionais para aumentar a conscientização e compreensão dos funcionários sobre os princípios e práticas de governança de dados. Esta iniciativa pode incluir sessões de formação sobre as melhores práticas de gestão de dados, requisitos de conformidade e utilização de ferramentas e tecnologias de governação de dados. Investir no desenvolvimento dos funcionários pode capacitar sua equipe para desempenhar um papel ativo na defesa dos padrões de governança de dados.

Investindo em governança de dados para o sucesso

A governação de dados é fundamental para as operações empresariais modernas, garantindo que os dados são geridos de forma eficaz e responsável ao longo do seu ciclo de vida. Ao estabelecer políticas, padrões e processos claros, você pode promover a acessibilidade, a segurança e a qualidade dos ativos de dados, promovendo a colaboração, a tomada de decisões informadas e a conformidade com os requisitos regulamentares.

Com o envolvimento das principais partes interessadas e a adoção das melhores práticas, um programa robusto de governação de dados pode desempenhar um papel na mitigação de riscos e na consecução de objetivos estratégicos.

AsteraSolução de governança de dados

AsteraA solução de governança de dados da capacita as organizações a aproveitar esses benefícios e criar uma única fonte de verdade para seus dados. Com um forte foco em padrões de qualidade de dados e processos de validação, Astera garante a confiabilidade e precisão dos dados.

As suas iniciativas de propriedade de dados garantem que as partes responsáveis ​​sejam responsáveis ​​pelos dados, enquanto o enriquecimento de dados e as funcionalidades de descoberta aumentam o valor da informação disponível. Esta abordagem abrangente apoia decisões informadas e fortalece a base centrada em dados para o sucesso.

Quer saber mais sobre Astera? Inscreva-se para uma demonstração or Contate-Nos.

Assuma o controle de seus ativos de dados!

Com seu compartilhamento contínuo de dados e controles de acesso robustos, Astera A Governança de Dados garante a integridade e a segurança dos seus ativos de dados. Comece agora seu teste gratuito de 14 dias e eleve sua estratégia de governança de dados.

Programar uma demonstração
Você pode gostar
O que é observabilidade de dados? Um guia completo
Explorando a proveniência dos dados: garantindo a integridade e autenticidade dos dados
O que são metadados e por que são importantes?
Considerando Astera Para suas necessidades de gerenciamento de dados?

Estabeleça conectividade sem código com seus aplicativos corporativos, bancos de dados e aplicativos em nuvem para integrar todos os seus dados.

Vamos nos conectar agora!
vamos conectar