Blogs

Home / Blogs / SOAP x REST: qual design de API é ideal para sua empresa?

Tabela de conteúdo
O Automatizado, Nenhum código Pilha de dados

Saiba como Astera O Data Stack pode simplificar e agilizar o gerenciamento de dados da sua empresa.

SOAP vs. REST: Qual design de API é ideal para o seu negócio?

Ammar Ali

Gerenciador de conteúdo

8 de Novembro de 2023

De acordo com Slashdata, quase 90% dos desenvolvedores usam APIs de alguma forma. As APIs permitem que os desenvolvedores criem aplicativos de software com eficiência, abstraindo a complexidade das camadas de software de baixo nível, permitindo que os desenvolvedores se concentrem nas funcionalidades principais.

Quer você seja um profissional de negócios ou de TI, compreender as nuances do desenvolvimento de APIs é crucial para o sucesso da sua organização. Existem dois métodos principais de construção de API: SOAP e REST. Estes métodos diferem significativamente nas suas abordagens e características, cada um com o seu próprio conjunto de vantagens e considerações.

O que é SABÃO?

SOAP, ou Simple Object Access Protocol, é uma abordagem baseada em protocolo para desenvolvimento de API. Segue regras rígidas de comunicação, utilizando XML como formato de mensagem. As APIs SOAP são conhecidas por sua estrutura, tratamento de erros integrado, recursos de segurança e recursos com estado.

O que é RESTO?

REST, que significa Transferência de Estado Representacional, é um estilo arquitetônico para construção de APIs. É tudo uma questão de simplicidade e flexibilidade. As APIs REST usam vários formatos para troca de mensagens, incluindo JSON e XML. Eles são inerentemente sem estado e dependem do protocolo de transporte subjacente, geralmente HTTP, para segurança e tratamento de erros.

API REST

(Fonte: Seobility)

SOAP vs. REST: Qual API é adequada para o seu negócio?

O caminho APIs lidar com comunicação, formatos de mensagens, gerenciamento de estado, tratamento de erros e segurança pode impactar significativamente seu processo de desenvolvimento e o desempenho de seus aplicativos. SOAP, uma abordagem orientada por protocolo, e REST, um estilo arquitetônico, oferecem recursos distintos que valem a pena explorar.

Comunicação: Protocolo vs. Estilo Arquitetônico

SOAP é um protocolo que determina um conjunto de regras para comunicação. Baseia-se em mensagens de solicitação e resposta, normalmente transmitidas por HTTP, SMTP ou TCP. Por outro lado, REST é um estilo arquitetônico que não determina um protocolo específico. Ele aproveita os protocolos existentes, principalmente usando métodos HTTP como GET, POST, PUT e DELETE.

Em um sistema de gerenciamento de inventário de nível empresarial, a comunicação em tempo real entre servidores e aplicativos clientes é crucial. O SOAP seria o ideal, pois define um protocolo de comunicação claro, garantindo que a integridade e a consistência dos dados sejam mantidas.

Por outro lado, se você estiver desenvolvendo um site de comércio eletrônico voltado ao público, o estilo arquitetural do REST, que aproveita métodos HTTP padrão como GET, POST, PUT e DELETE, forneceria a flexibilidade necessária para interagir com diferentes clientes e plataformas enquanto aproveitando os protocolos da web existentes.

Formato de mensagem: XML vs. vários formatos

SOAP utiliza exclusivamente XML para formatação de mensagens, o que garante estrutura rígida e digitação de dados. REST, por outro lado, permite vários formatos, incluindo JSON, XML e HTML. Essa flexibilidade pode mudar o jogo, especialmente em diversos ambientes de desenvolvimento.

Uma aplicação financeira que exija representação de dados precisa e rigorosa seria mais adequada para SOAP. SOAP, com sua dependência de XML, garante que as transações financeiras sejam formatadas de forma consistente, reduzindo as chances de erros de interpretação de dados.

Por outro lado, se você estiver desenvolvendo uma plataforma de mídia social, o suporte do REST para vários formatos de mensagens, como JSON, XML e HTML, permite atender a uma ampla variedade de clientes, incluindo navegadores da Web, aplicativos móveis e integrações de terceiros. tornando-o uma escolha versátil.

Gestão de Estado: Sem Estado (com opções) vs.

O SOAP pode ser com ou sem estado, dependendo de como você configura sua API. Por outro lado, REST é inerentemente sem estado, o que simplifica a comunicação entre servidor e cliente. No entanto, isso significa que pode ser necessário gerenciar os estados manualmente, se necessário.

Considere um processo transacional de várias etapas, como reservar uma passagem aérea. Os recursos stateful do SOAP podem ajudar a manter a sessão durante todo o processo de reserva, garantindo que os dados do usuário estejam disponíveis de forma consistente em diversas solicitações.

Se você estiver construindo um sistema de gerenciamento de conteúdo onde cada solicitação HTTP é independente e não depende de solicitações anteriores, a natureza sem estado do REST simplifica as interações entre servidor e cliente, tornando-o adequado para sistemas onde a manutenção de estados de sessão não é uma preocupação principal.

Tratamento de erros: integrado vs. dependente da implementação

O SOAP vem com tratamento de erros integrado por meio de mensagens de falha padronizadas, facilitando a identificação de problemas. No REST, o tratamento de erros depende da implementação, geralmente utilizando códigos de status HTTP. Essa flexibilidade pode ser uma bênção e uma maldição.

Ao desenvolver um sistema de troca de informações de saúde, o tratamento de erros integrado do SOAP, com mensagens de falha padronizadas, garante que quaisquer erros na transmissão de dados críticos do paciente sejam resolvidos de forma imediata e clara, aumentando a segurança do paciente.

No contexto de um site de notícias voltado ao público, a flexibilidade do REST no tratamento de erros permite adaptar as respostas aos erros para atender às necessidades específicas de vários clientes. Embora esta flexibilidade possa ser vantajosa, também requer uma implementação mais meticulosa.

Segurança: WS-Security vs. Dependente de protocolos como HTTPS

SOAP fornece recursos de segurança robustos por meio do WS-Security, tornando-o uma excelente escolha para dados confidenciais e setores regulamentados. REST depende do protocolo de transporte subjacente, como HTTPS, para segurança, que é adequado para a maioria dos casos de uso.

Uma aplicação bancária que lide com transações financeiras confidenciais se beneficiaria da forte criptografia e autenticação do WS-Security do SOAP, garantindo que os dados do cliente sejam protegidos com os mais altos padrões e cumpram os requisitos regulamentares.

No entanto, para um serviço de previsão meteorológica que fornece informações publicamente disponíveis, confiar na segurança do protocolo de transporte subjacente, como o HTTPS, é uma escolha adequada e com boa relação custo-benefício. Isto minimiza a complexidade da implementação de segurança para dados não confidenciais.

Esses recursos e capacidades distintos ilustram como a escolha entre SOAP e REST é tão complexa quanto os requisitos e restrições específicos do seu projeto. Sua escolha deve estar alinhada aos objetivos, recursos e natureza do seu negócio.

Fatores a serem considerados ao escolher entre SOAP e REST

Quando estamos na encruzilhada das decisões de design de API, ou seja, SOAP vs. REST, vários fatores críticos entram em jogo. Sua escolha entre SOAP e REST não é apenas uma questão técnica; é uma decisão estratégica que impacta o sucesso do seu projeto. Aqui estão alguns fatores-chave a serem considerados:

Natureza do Projeto

É tudo uma questão de combinar sua API com seu projeto. Por exemplo, se você estiver construindo um grande sistema empresarial com muitos processos complexos que precisam estar corretos, o SOAP é uma boa escolha. É a opção robusta e confiável. Mas se você estiver criando um aplicativo Web público dinâmico ou trabalhando em conexões menores, REST é uma opção mais flexível.

Nível de segurança necessário

De um ponto de vista de segurança de dados, lembre-se de que se sua API lida com processos com ativos de dados confidenciais, como transações financeiras ou registros médicos pessoais, o SOAP possui recursos de segurança mais fortes que manterão seus dados seguros. Para dados não confidenciais, REST é mais econômico e tem segurança suficiente.

Volume esperado de tráfego e necessidades de escalabilidade

Se você espera uma grande multidão e muitos dados, REST é a escolha certa. É bom para lidar com muitas solicitações sem ficar atolado. Mas se você precisa manter registros de acesso meticulosos, o SOAP é a melhor escolha.

Integração com sistemas existentes

Outro fator importante é como sua nova API se adapta aos seus sistemas atuais. Se a sua organização já usa principalmente serviços baseados em SOAP, uma API baseada em SOAP facilitará sua vida e vice-versa com serviços baseados em REST.

O conjunto de habilidades da equipe de desenvolvimento

Se sua equipe de desenvolvimento tiver habilidade com XML e dados estruturados, o SOAP se alinha bem com o conjunto de habilidades existente. Se sua experiência for voltada para tecnologias da web, o REST será mais rápido e fácil. Uma solução que funciona independentemente da habilidade técnica é um solução de desenvolvimento de API sem código.

Conclusão

Astera Gerenciamento de API

Sua decisão ao avaliar SOAP versus REST deve ser orientada por suas necessidades comerciais exclusivas, demandas técnicas e aspirações futuras. Não existe uma resposta única para todos, e isso é perfeitamente normal. SOAP e REST são como ferramentas diferentes em uma caixa de ferramentas, cada uma projetada para tarefas específicas. Portanto, quer você opte por SOAP ou REST, o que importa é criar uma API que se adapte perfeitamente à sua missão, garantindo que seus empreendimentos digitais estejam preparados para o sucesso.

Para entrar em contato conosco: para saber mais sobre como Astera, uma ferramenta de design de API sem código de autoatendimento, pode oferecer suporte à sua estratégia de API.

Você pode gostar
Dominando a arquitetura de API: um guia abrangente | Astera
Processamento automatizado de formulários: um guia prático
Análise de PDF: Automatize a extração de dados de arquivos e formulários PDF
Considerando Astera Para suas necessidades de gerenciamento de dados?

Estabeleça conectividade sem código com seus aplicativos corporativos, bancos de dados e aplicativos em nuvem para integrar todos os seus dados.

Vamos nos conectar agora!
vamos conectar